06 copy.png

Endocrinologia Pediátrica

A obesidade refere-se a um excesso de gordura corporal e sua apresentação na faixa etária pediátrica (obesidade infantil) tem se tornado um problema cada vez mais frequente em nosso meio. Isso ocorre principalmente devido ao aumento de alimentos ultra processados e fast foods aliado ao aumento do sedentarismo. Este muito associado com o aumento do uso de dispositivos eletrônicos (smartphones, tablets, etc).

A obesidade infantil pode levar, já na idade pediátrica, a uma série de outras doenças, que normalmente são mais encontradas na vida adulta como diabetes, pressão alta, alteração no colesterol. Quando estas doenças começam na infância/adolescência levam a diminuição da expectativa de vida por aumentar o risco de eventos cardiovasculares precoces (infarto, derrame, isquemia cerebral). Além disso, crianças obesas são mais susceptíveis a doenças psicossociais tais como ansiedade, depressão e bullying.

 

Para o adequado tratamento da obesidade infantil é necessário um acompanhamento multidisciplinar entre o endocrinologista pediátrico, nutricionista e psicóloga concatenando as melhores e mais modernas recomendações científicas de suas áreas em força tarefa com o paciente e sua família. O engajamento da família é elemento chave nesse esforço terapêutico multidisciplinar.